Pular para o conteúdo Vá para o rodapé

2° Encontro Internacional de Mulheres Trabalhadoras em Transporte define resolução de plano de lutas pelo fim do assédio moral e da violência contra as mulheres

O 2° Encontro Internacional de Mulheres trabalhadoras em Transporte, realizado em Sorocaba, terminou com avaliação positiva, acima das expectativas, e com uma resolução de plano de lutas pelo fim do assédio moral e da violência contra as mulheres.


No conjunto de propostas, a resolução também destaca como prioridade a luta pela qualificação da mulher trabalhadora em transporte. Reivindica que os sindicatos coloquem em suas convenções coletivas a cota de 30% para todas as mulheres em cargos de liderança. E propõe a realização de encontro anual para as mulheres de todos os modais do transporte.


Promovido pela CNTTL (Confederação Nacional dos Trabalhadores em Transporte e Logística) e com apoio do nosso Sindicato, o encontro de dois dias foi realizado na quarta (13) e quinta-feira (14), em Sorocaba, com a participação de lideranças da Confederação, da FUTAC (Federação Unitária dos Trabalhadores em Transporte da América Latina e Caribe), da ITF (Federação Internacional dos Trabalhadores em Transporte) e de sindicatos do Brasil, Chile, Colômbia, Argentina, Uruguai, Cuba e também da Espanha.


Para Andréia Mattezi, diretora do nosso Sindicato e diretora das Mulheres da CNTTL, o encontro trouxe conhecimento e disponibilidade para reunião com o propósito de avançar e alavancar os direitos das mulheres trabalhadoras nos transportes e em outras áreas: “Que esses encontros sejam anuais, que as mulheres possam estar muito mais integradas porque a participação de todas é importante e nós não construímos nada sozinhas. Precisamos em conjunto construir as propostas.”


O presidente do nosso Sindicato e da CNTTL, Paulo Estausia, o Paulinho do Transporte, parabenizou as organizadoras do encontro pelo empenho nos debates sobre as condições das mulheres na sociedade brasileira e latino-americana. E lembrou que as responsabilidades com a pauta das mulheres também são responsabilidades dos homens.


Pulinho acrescentou: “Foi muito bom o fato de o Sindicato dos Rodoviários de Sorocaba e Região ter sediado um evento desta importância para as mulheres trabalhadoras em transporte, porque esta escolha como local de realização do encontro fortalece ainda mais os trabalhadores do transporte de Sorocaba e Região.”
Paulinho também é vice-presidente mundial da Seção de Transportes da ITF e vice-presidente da FUTAC.

Mesa de trabalhos conduzida pela diretora do nosso Sindicato e da CNTTL, Andréia Mattezi
Rute Caires, diretora-geral do Espaço Cultural dos Rodoviários, e a diretora do nosso Sindicato, Joice Jaqueline, também secretária da juventude da CUT/SP
Diretoras do nosso Sindicato, Daniele Souza, Gisele Santos, Joice Jaqueline e Camila Grusca
Diretora Gisele Santos fala sobre atividade profissional no setor de transporte
Diretora Daniele Souza conta sua experiência como trabalhadora do transporte
Diretora Camila Grusca avalia os desafios da mulher trabalhadora em transporte
Diretora Elisangela Bergamo durante sua fala no evento
Diretora Andréia Mattezi: “Que as mulheres possam estar muito mais integradas .”
O presidente do nosso Sindicato e da CNTTL, Paulinho do Transporte, parabenizou as organizadoras do evento

Deixe um comentário

Central de Atendimento:
15. 3331-7900
rodoviario@rodoviariosorocaba.org.br

Rua Capitão Augusto Franco, 159
Vl. Amélia – Sorocaba / SP
CEP: 18.035-615

© 2024. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por: Web-az

the Kick-ass Multipurpose WordPress Theme

© 2024 Kicker. All Rights Reserved.

Sign Up to Our Newsletter

Be the first to know the latest updates

[yikes-mailchimp form="1"]