Notícias

09-Abr-2019 15:26
SOROCABA

Vereadores de Sorocaba organizam Frente Parlamentar Contra a Reforma da Previdência

Uma audiência pública será realizada na próxima quinta, 11, às 19h, na Câmara Municipal, com o tema “O Impacto da Reforma da Previdência na Vida dos Trabalhadores”

2019, imprensa, Câmara de Vereadores de Sorocaba
Plenário da Câmara de Vereadores de SorocabaCâmara de Vereadores de Sorocaba

A vereadora Fernanda Garcia (PSOL) teve aprovada na Câmara Municipal de Sorocaba a proposta da criação de uma Frente Parlamentar Contra a Reforma da Previdência. Com a participação dos vereadores Iara Bernardi (PT), Francisco França (PT), Renan Santos (PCdoB), José Francisco Martinez (PSDB), Anselmo Rolim Neto (PSDB), Péricles Régis (MDB), Hélio Brasileiro (MDB) e Fausto Salvador Peres (Podemos), a frente promoverá audiências públicas e iniciativas para alertar a população sobre os efeitos da reforma.

A primeira iniciativa da Frente Parlamentar Contra a Reforma da Previdência será uma audiência pública, no dia 11 de abril, às 19h. A atividade discutirá “O Impacto da Reforma da Previdência na Vida dos Trabalhadores”, com participação do desembargador do trabalho, professor da Fadi e organizador da obra ‘‘A Tutela Coletiva dos Direitos Fundamentais dos Trabalhadores’’, João Batista Martins César, e do economista, doutorando (Unicamp) e pesquisador sobre o sistema previdenciário brasileiro Lucas Andrietta. 

Reforma da Previdência - O presidente Jair Bolsonaro (PSL) encaminhou o projeto de Reforma da Previdência Social à Câmara Federal, no dia 20 de fevereiro. Desde então o Brasil tem discutido o conteúdo da proposta, que mudará rigorosamente as regras para a aposentadoria. A medida impactará na quantidade de pessoas que tem acesso ao direito e também no valor recebido pelos aposentados ou pensionistas, através do aumento do tempo de contribuição, da elevação da idade mínima, por exemplo.

Se por um lado o governo apresenta dados controversos para justificar a medida, por outro, a estimativa sobre o impacto econômico e social é extremamente preocupante.

A idealização da frente é para que o assunto seja exaustivamente debatido com a sociedade, antes que sua votação aconteça no Congresso.

Assessoria de imprensa - vereadora Fernanda Garcia - PSOL
Deixe seu Recado