Notícias

26-Abr-2019 13:19
SOROCABA

Vereadores de Sorocaba abrem duas Comissões Processantes para investigar prefeito e vice

O prefeito Crespo pode ser cassado novamente

2019, imprensa, Fabiana Caramez
População acompanha sessão na Câmara de VereadoresFabiana Caramez

Os vereadores da Câmara Municipal de Sorocaba aprovaram na sessão da quinta-feira, 25, a abertura de duas Comissões Processantes, uma para investigar o prefeito José Crespo (DEM) e outra para investigar a vice-prefeita Jaqueline Coutinho (PTB). Nas duas votações o placar foi 18 votos a 1. Os vereadores têm prazo de 90 dias para decidir se cassam ou não o prefeito e a vice-prefeita.

Um grande número de cidadãos e cidadãs sorocabanos(as) esteve presente na Câmara de Vereadores para acompanhar a votação de abertura de processo que pode levar à nova cassação do prefeito Crespo.

O pedido contra a vice-prefeita Jaqueline Coutinho é embasado em denúncia do Ministério Público do Estado de São Paulo (MP-SP) sobre suposta irregularidade praticada pela vice-prefeita ao utilizar um servidor público para a realização de atividades pessoais. Ela nega a irregularidade.

O pedido de investigação contra o prefeito José Crespo foi assinado pelo professor presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Sorocaba (SPMS), Salatiel Hergesel. O pedido é baseado nas informações contidas no relatório parcial da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Falso Voluntariado, que investiga irregularidades no “trabalho voluntário” da ex-assessora do prefeito Tatiane Polis. Sendo que a CPI do Falso Voluntariado recebeu inúmeros documentos provenientes da Operação Casa de Papel, investigação da Polícia Civil que mira desvio de dinheiro em diversas secretarias da Prefeitura de Sorocaba, em especial, os que constam no depoimento do ex-secretário de Comunicação e Eventos Eloy de Oliveira, que prestou depoimento à Polícia e entregou e-mails e documentos que mostram que o trabalho da ex-assesora Taty Polis ia além de um voluntariado. O prefeito também negou ter cometido irregularidades.

Seguindo o regulamento da Câmara de Vereadores, os membros das Comissões Processantes foram sorteados. Para a Comissão que irá investigar a vice-prefeita foram sorteados os vereadores Luis Santos (PROS), que irá presidir a Comissão, Anselmo Neto (PSDB), que será o relator, e Francisco Martinez (PSDB).

Para a Comissão Processante que pode cassar novamente o prefeito José Crespo foram sorteados os vereadores Silvano Júnior (PV), que será o presidente, Hudson Pessini (MDB), que será o relator, e Rafael Militão (MDB).

Os vereadores acreditam que a Comissão Processante contra Crespo deve terminar no prazo de 40 dias.

Fabiana Caramez
Deixe seu Recado