Notícias

13-Jul-2018 16:24
REGIÃO

Urbano de São Roque: Sindicato protege empregos e direitos em transição de empresas

Viação São Roque não paga verbas rescisórias e Sindicato aciona Justiça 

, Fabiana Caramez
Em assembleia, Sindicato explica aos trabalhadores como será a transição - 22/06/2017Fabiana Caramez

A empresa Mirage Transportes Coletivos comprou da Viação São Roque a concessão para operar as linhas do transporte urbano no município de São Roque e assumiu o serviço no dia 26 de junho. O Sindicato dos Rodoviários acompanhou todo o trâmite e assegurou o emprego aos trabalhadores na nova empresa, assim como o pagamento do mesmo piso salarial e dos direitos determinados em acordo coletivo.

Desde o dia 26, os trabalhadores nas linhas urbanas da Viação São Roque entraram em aviso prévio. Ao término do aviso, os mesmos serão contratados pela Mirage. Como a lei do aviso prévio determina que a cada ano trabalhado na empresa o empregado tem direito a mais três dias de aviso, a transição dos trabalhadores não irá acontecer em uma mesma data, pois o término do aviso prévio dependerá de quanto tempo cada trabalhador tem de empresa.

"Mesmo com a complexidade dessa transição, por causa da lei e dos problemas no pagamento das verbas rescisórias por parte da Viação São Roque, estamos otimistas com o futuro. Os trabalhadores sofrem há anos com as irregularidades cometidas pela Viação São Roque e essa troca de empresa nos traz a esperança de que a categoria possa trabalhar sossegada, com ônibus adequados e o pagamento correto de salários e direitos", afirma o presidente do Sindicato Paulo João Estausia, Paulinho.

Viação São Roque não paga verbas rescisórias e Sindicato aciona Justiça 

A empresa Viação São Roque não irá pagar as verbas rescisórias neste momento, apenas irá dar baixa nas carteiras de trabalho e assinar os documentos necessários para liberar o FGTS depositado e o seguro desemprego, esse último para quem não quiser ficar na nova empresa.

Diante disso, o Sindicato está tomando as medidas judiciais cabíveis para garantir o pagamento das verbas rescisórias e de demais direitos a todos os trabalhadores. Para agilizar o processo, os trabalhadores precisam entregar na subsede do Sindicato São Roque (av. Santa Rita, 54, sl. 42, Vila Aguiar) a cópia dos seguintes documentos:

- carteira de trabalho: página da foto, página de informações pessoais (verso da foto), página registro na empresa;

- todos os holerites;

- carteira de motorista e RG/CPF;

- comprovante de residência;

- extrato analítico do FGTS (atualizado, solicitar da Caixa Econômica Federal);

- cópia do Termo de Rescisão;

- telefones de contato;

- aviso prévio;

- aviso de férias.

"O Sindicato já enfrentou outras situações como essa e nossa experiência nos permite orientar os trabalhadores a manter seus processos com o Sindicato, responderem sempre o mais rápido possível e terem muita paciência, pois não temos como prever o tempo que a Justiça levará para decidir", explica o vice-presidente do Sindicato Francisco França.

 

 

Fabiana Caramez
Deixe seu Recado