Notícias

22-Fev-2019 18:16
REFORMA

França: "A 'reforma' da Previdência só irá aumentar a pobreza em nosso país"

Sindicato tratou do tema da “reforma” da Previdência no primeiro dia de assembleias de aprovação das reivindicações da campanha salarial 2019

2019, imprensa, Fabiana Caramez
Diretoria do Sindicato dos Rodoviários em assembleia com os trabalhadores dos setores urbano e escolarFabiana Caramez

Os trabalhadores e trabalhadoras em transportes urbano e escolar participaram nesta sexta-feira, 22, das assembleias de aprovação da pauta de reivindicações da campanha salarial 2019. Os diretores do Sindicato dos Rodoviários de Sorocaba e Região realizaram assembleias em Sorocaba, Araçariguama, São Roque, Mairinque, Araçoiaba da Serra, Piedade, Salto de Pirapora, Pilar do Sul, Capela do Alto, Tatuí, Itapetininga, São Miguel Arcanjo, Capão Bonito, Guapiara, Itapeva, Apiaí, Itararé e Coronel Macedo.

Na assembleia que ocorreu na sede do Sindicato em Sorocaba, o vice-presidente e vereador Francisco França explicou para a categoria o problema que representa a proposta de “reforma” da Previdência apresentada por Jair Bolsonaro (PSL) na última quarta-feira, dia 20, ao Congresso Nacional.

França ressaltou que a categoria não pode cair no discurso oficial do governo de que é preciso fazer “reforma” da Previdência para salvar o país.

“Nós estamos assistindo o mesmo discurso que eles fizeram quando quiseram aprovar a ‘reforma’ trabalhista: ‘isso tem que ser feito para salvar o país’, ‘só com reforma pode gerar empregos’. Pergunto: o que melhorou com a ‘reforma’ trabalhista? Gerou empregos? Não! Só piorou a vida do trabalhador que agora precisa lutar para não perder direitos que já tinha conquistado no passado. Com a ‘reforma’ da Previdência é o mesmo discurso para enganar a sociedade”, afirmou o vice-presidente.

Para França, a “reforma” apresentada não mexe com os verdadeiros privilegiados. “Eles falam em tirar privilégios. Eu pergunto: retirar privilégios de quem? Pois o militar das Forças Armadas, os congressistas, o Judiciário não estão nessa ‘reforma’. Só os trabalhadores e seus familiares serão atingidos com a proposta apresentada. Na verdade, a ‘reforma’ da Previdência só irá aumentar a pobreza em nosso país.”

Segundo o vice-presidente, Jair Bolsonaro é igual ao prefeito de Sorocaba José Crespo, quando parlamentar dizem uma coisa, no comando do Executivo fazem outra completamente diferente. “Está rolando uns vídeos na internet que mostram o Bolsonaro criticando e chamando de desumana a ‘reforma’ da Previdência proposta por Michel Temer (MDB) e agora, no cargo de presidente do Brasil, apresenta uma proposta de ‘reforma’ muito pior do que a do Temer. É muita cara de pau. O que aconteceu para mudar tanto?”

2019, imprensa, Fabiana Caramez
Vice-presidente do Sindicato e vereador Francisco FrançaFabiana Caramez

Francisco França fez uma crítica ao atual presidente da República. “Falaram tanto em tirar o PT para acabar com corrupção e agora assistimos mais e mais corrupção envolvendo o presidente e seus filhos. É a família inteira ligada à bandidagem dos milicianos. É o ‘laranjal do PSL’ com a revelação a cada dia dos cambalachos feitos para bancar a campanha presidencial. Não falo isso para reprimir quem votou, quem se enganou com esse cara. Nós defendemos outro candidato. Mas a sociedade quis esse, agora precisamos fazer uma reflexão, repensar, acordar. Porque teremos muito trabalho pela frente para salvar os nossos direitos”, explicou França.

Assembleias continuam no fim de semana

Os trabalhadores(as) em transportes estarão reunidos em assembleias durante este fim de semana todo para decidir as reivindicações dos diversos setores do transporte que serão entregues às empresas para início das negociações da campanha salarial deste ano.

A data-base da categoria é 1º de maio e as assembleias estão acontecendo por setor. Hoje (22) ocorreram as assembleias dos setores urbano e escolar, às 10h e às 18h. No sábado, dia 23, irão acontecer as assembleias com os trabalhadores em transportes intermunicipal, rodoviário e de fretamento, às 10h e às 16h. No domingo, dia 24, a assembleia será com os trabalhadores do setor de cargas, às 10h.

A base de representação do Sindicato compreende 42 municípios e as assembleias estão sendo realizadas nos municípios de Sorocaba, Araçariguama, São Roque, Mairinque, Araçoiaba da Serra, Piedade, Salto de Pirapora, Pilar do Sul, Capela do Alto, Tatuí, Itapetininga, Angatuba, São Miguel Arcanjo, Capão Bonito, Guapiara, Itapeva, Apiaí, Itararé, Coronel Macedo.

 

As mesas de negociação entre Sindicato dos Rodoviários e as empresas e sindicatos patronais de transportes devem ter início assim que as pautas de reivindicações forem protocoladas nas empresas, o que deve acontecer no início de março.

Fabiana Caramez
Deixe seu Recado