Notícias

10-Ago-2019 20:07
ARAÇARIGUAMA

Ex-prefeito e marido da atual prefeita Carlos Aymar se junta à empresa Vertion para prejudicar trabalhador e criminalizar Sindicato

Trabalhadores em transportes urbano e escolar em Araçariguama estão em greve porque não receberam salário e demais direitos

2019, imprensa,
2019

O ex-prefeito e marido da atual prefeita de Araçariguama Carlos Aymar se juntou com a empresa Vertion para prejudicar os trabalhadores em transportes urbano e escolar em Araçariguama, que estão em greve porque não receberam salário e demais direitos, e criminalizar o Sindicato e o justo movimento grevista.

Em atitude sorrateira, usou a Guarda Municipal de Araçariguama para fins políticos ao tentar criminalizar os dirigentes sindicais que estavam de plantão nas proximidades da garagem da empresa Vertion, como sempre estiveram durante toda a greve, para verificar qualquer atitude irregular da empresa.

O Sindicato esclarece que não foi notificado oficialmente pela Justiça do Trabalho, portanto desconhece qualquer decisão judicial sobre a qual a empresa e o ex-prefeito se referem.

Portanto, neste momento, quem está cometendo crime de prática antissindical é a empresa Vertion, o marido da atual prefeita Carlos Aymar e a Guarda Municipal de Araçariguama.

O Sindicato denuncia ainda que pessoas não habilitadas para dirigir ônibus e não portadoras de cursos obrigatórios para transportar passageiros estão sendo colocados pelo Poder Público e pela empresa para trabalhar, o que coloca em risco os passageiros e a população de Araçariguama.

O Sindicato tomará as medidas cabíveis para restabelecer o direito de greve e proteger os trabalhadores.

 

Fabiana Caramez
Deixe seu Recado