Notícias

02-Ago-2021 10:10
POLÍTICA DA DESIGUALDADE

Desemprego apurado pelo IBGE continua em nível assustador

Órgão do governo apurou a estimativa de 14,8 milhões de pessoas desempregadas entre março e maio

A taxa de desemprego no Brasil, no trimestre encerrado em maio de 2021, é de 14,6%, segundo o IBGE, órgão do governo federal.
Esse índice é o segundo maior da série histórica, iniciada em 2012, e indica que o desemprego continua em nível elevado. O recorde (14,7%) foi registrado nos trimestres encerrados em março e abril.
Em números, a quantidade de desempregados no Brasil foi estimada pelo IBGE em 14,8 milhões entre março e maio.
O levantamento leva em conta tanto trabalhadores formais (com carteira assinada) quanto informais (sem carteira assinada).
No levantamento, o IBGE considera uma pessoa desocupada quando ela está sem emprego e segue a luta em busca de novas vagas.
Na avaliação da Diretoria do nosso Sindicato, essa realidade indica a falência da política econômica do governo de Jair Bolsonaro, comandada pelo ministro e banqueiro Paulo Guedes. É uma política que amplia as desigualdades, o que se comprova com o retorno do Brasil ao mapa da fome no mundo, enquanto privilegia os milionários e o capital estrangeiro.

Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários de Sorocaba e Região
Deixe seu Recado