Notícias

08-Abr-2022 07:54 - Atualizado em 08/04/2022 17:19
CONCLAT

Centrais Sindicais aprovam pauta unificada dos trabalhadores para as eleições de 2022

Conclat aprova medidas emergenciais e estruturais para defesa dos interesses da classe trabalhadora

As Centrais Sindicais CUT, Força Sindical, UGT, CSB, CTB, Nova Central, Conlutas, Intersindical e Pública realizaram nesta quinta-feira (7) a Conferência da Classe Trabalhadora (Conclat) , em São Paulo. No encontro, as centrais aprovaram a Pauta Unificada da Classe trabalhadora para as eleições de 2022.

O documento contém medidas emergenciais e estruturais para garantir empregos, recuperar direitos trabalhistas e previdenciários, fortalecer a representação sindical, além de promover a democracia e a vida. A proposta com 35 itens será entregue a todos os candidatos à presidência da República que participarão da disputa eleitoral em outubro.

De acordo com as lideranças sindicais, a prioridade da classe trabalhadora é derrotar o governo Bolsonaro. A atual política econômica comandada por este governo condenou a maioria da população ao desemprego, à fome e à miséria. As lideranças sindicais também defenderam como essencial a revogação da reforma trabalhista e da Previdência, bem como o fim do teto de gastos.

“Como estamos em ano eleitoral e de eleição do presidente da República, é importante os trabalhadores estarem organizados e fazendo com que os candidatos estejam compromissados com a classe trabalhadora, com o crescimento econômico, a criação de empregos e as questões sociais”, avalia o diretor financeiro do Sindicato dos Rodoviários de Sorocaba e Região, Antônio Sérgio Silvana de Mores, o A. Sérgio, que também é coordenador da subsede da CUT Sorocaba.

“É muito importante essa união entre a classe trabalhadora, todas as Centrais unidas no mesmo propósito. Só com a união da classe trabalhadora que a gente pode reverter esse quadro”, afirma Joice Jaqueline Lopes dos Santos se referindo aos desmontes e aos retrocessos provocados pelo governo Bolsonaro no Brasil. Joice também é diretora do Sindicato dos Rodoviários de Sorocaba e Região, coordenadora da subsede da CUT em Itapeva e secretaria de Mobilização da CUT Estadual.

A. Sérgio e Joice participaram da Conclat juntamente com os também diretores do Sindicato dos Rodoviários, Marcílio Garcia, Andréia Mattezi, Elisangela Bergamo e Anderson Lopes.

A Conclat foi fundada em 1981 em Praia Grande, no maior encontro de militantes sindicais realizado no Brasil até então. Aquele foi também o maior enfrentamento à ditadura militar vigente na época. A Conclat foi o primeiro passo que levou à criação da CUT dois anos depois, em 28 de agosto de 1983.

 

,
A. Sérgio e Joice participaram da Conclat juntamente com os também diretores do Sindicato dos Rodoviários, Marcílio Garcia, Andréia Mattezi, Elisangela Bergamo e Anderson Lopes.

,
foto sindicato

,
foto sindicato

Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários de Sorocaba e Região
Deixe seu Recado