Notícias

10-Ago-2018 13:58
SOROCABA

Audiência pública debate proposta de concessão de área destinada ao hospital público da Zona Norte

Prefeito José Crespo (DEM) quer conceder a área do hospital para as empresas particulares de transporte, que irão administrar o BRT em Sorocaba

2018, imprensa,
.

O vereador Francisco França (PT) convida a população de Sorocaba para a audiência pública que debaterá o projeto de Lei do prefeito José Crespo (PL 169/2018), que visa conceder a área de 26 mil m², localizada na avenida Ipanema -  adquirida pela Prefeitura por R$ 13 milhões em 2013 e destinada para a construção do chamado Hospital de Clínicas de Sorocaba  -, para as empresas particulares que administrarão o Sistema BRT (ônibus rápido) na cidade. A audiência será realizada na próxima segunda-feira, dia 13, às 19 horas, no Plenário da Câmara Municipal.

 

Segundo França, a saúde de Sorocaba não pode sofrer mais este descaso. "A construção de um hospital público na Zona Norte, área que concentra o maior número de habitantes de nossa cidade, são cerca de 290 mil pessoas, irá desafogar o atendimento de outras unidades como o Hospital Regional e a Santa Casa, que já operam além do seu limite. Este hospital da Zona Norte, tão esperado pelos sorocabanos, virá para ajudar na ampliação do atendimento e da qualidade dos serviços de urgência, emergência e de internações", defende o vereador. "Não é aceitável, neste momento de caos da saúde municipal de Sorocaba, que a área do hospital seja entregue de bandeja para a construção de uma garagem para o Sistema BRT. E que o local vá para as empresas privadas, que vão administrar um serviço público que ainda nem saiu do papel". E ainda destaca: "Se esta gestão não tem capacidade ou não conseguirá construir o hospital naquela área, então deixe para o próximo governo construir".

 

A audiência pública contará com as presenças do secretário de Mobilidade e Acessibilidade e também presidente da Urbes, Luiz Fioravante, membros do Conselho Municipal de Saúde, lideranças e representantes da sociedade sorocabana.

 

Hospital de Clínicas de Sorocaba

Segundo consta no portal da Prefeitura de Sorocaba, "o Hospital de Clínicas de Sorocaba será construído na Zona Norte, região mais populosa da cidade, e beneficiará o sistema público de saúde como um todo, pois ajudará a desafogar os atendimentos nas demais unidades de urgência e emergência 24 horas. Com 200 leitos, até 2016, a unidade disponibilizará serviços de Ortopedia e Traumatologia, Neurocirurgia, Cirurgia Geral e do Trauma, atendimento materno-infantil e atenção a casos de média complexidade. O Hospital de Clínicas de Sorocaba se localizará em um terreno de 36 mil m² na Avenida Ipanema, nº 5.001, Jardim Bethânia – na antiga garagem da TCS. A Prefeitura desapropriou pelo valor de R$ 13,6 milhões". (Fonte: http://www.sorocaba.sp .gov.br/ppp/hospital-de-clinic as-de-sorocaba/)

 

Sistema BRT

Também no portal da Prefeitura de Sorocaba, o Sistema BRT, que será administrado pelo consórcio BRT Sorocaba Concessionária, é descrito para "melhorar o transporte coletivo, permitindo aos cidadãos se deslocarem com mais rapidez, conforto e segurança (...). Para viabilizar o projeto, o Município obteve um financiamento de aproximadamente R$ 133,9 milhões do Governo Federal, por meio do programa Pró-Transporte – Mobilidade Médias Cidades, do Ministério das Cidades, obtidos por seleção do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2). Com os recursos, a Prefeitura vai implantar as duas primeiras linhas do BRT – Ônibus Rápido, a Norte-Sul e a Leste-Oeste. O estudo preliminar da Urbes prevê a implantação de 35 quilômetros, para a circulação do BRT dentro de quatro principais corredores da cidade (...). A previsão é de que entre 150 mil e 180 mil usuários do transporte coletivo poderão ser atendidos pelo sistema alimentador diariamente e o tempo de viagem terá uma redução da ordem de 20%. Além disso, para maior rapidez, os BRTs terão pontos de paradas reduzidos especialmente nas estações em nível, instaladas nos canteiros centrais. O BRT funcionará em conjunto ao modelo atual, permitindo integração aos Terminais Santo Antônio e São Paulo, às seis Áreas de Transferências e a integração temporal entre diferentes linhas com o pagamento de uma única". (Fonte: http://www.sorocaba.sp .gov.br/ppp/brt-onibus-rapido/ ).

 

Andrea Quevedo
Deixe seu Recado