Notícias

02-Out-2019 17:08
SÃO ROQUE

12º DIA DE GREVE NA VSROQUE: Trabalhadores continuam firmes na luta pelo recebimento de atrasados

Nova audiência no TRT-15ª deve acontecer na quinta-feira, 3

2019, imprensa, Diretoria Sindicato dos Rodoviários
Trabalhadores seguem firmes e fortes na luta contra atraso em pagamento de direitosDiretoria Sindicato dos Rodoviários

Nesta quarta-feira, 2 de outubro, os trabalhadores na empresa de transporte intermunicipal Viação São Roque completam doze dias em greve contra o atraso no pagamento de tíquete-refeição, cesta básica, férias, participação nos lucros e resultados (PLR), INSS e FGTS. A categoria já definiu que só retornará ao trabalho quando a empresa pagar todos os atrasados.

“Como a Viação São Roque não cumpriu com os acordos feitos anteriormente, os trabalhadores não acreditam mais na palavra da proprietária e, agora, estão decididos a permanecer em greve até a empresa pagar todos os atrasados, sem exceção”, explica o presidente do Sindicato dos Rodoviários de Sorocaba e Região Paulo João Estausia.

Os trabalhadores permanecem diariamente no terminal rodoviário de São Roque e estão cumprindo corretamente a liminar concedida pela Justiça do Trabalho em favor da empresa que determina a manutenção de 70% da frota de ônibus em operação nos horários de pico, das 5h às 8h e das 16h às 20h, e 50% nos demais horários.

Audiência

Uma nova audiência de conciliação irá acontecer amanhã, 3, no Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região, em Campinas. Como deliberado na primeira audiência, a empresa Viação São Roque terá que apresentar documentação de venda de imóvel, levantamento de todo o montante da dívida trabalhista e um plano de pagamento com data e valor.

A EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo) terá que apresentar um laudo sobre as condições de todos os ônibus da Viação São Roque, pois o Sindicato fez a denúncia de que muitos ônibus estão com graves problemas e quebram a toda hora, colocando em risco a vida dos passageiros, dos motoristas e cobradores.

Por determinação da desembargadora do TRT-15ª, dra. Olga Aida Joaquim Gomieri, a Viação São Roque pagou salários e direitos aos trabalhadores que tiveram o auxílio doença cortado e não são considerados aptos a retornar à atividade pelo médico do trabalho. O Sindicato está conferindo junto aos trabalhadores se o valor depositado pela empresa está correto.

A greve dos trabalhadores em transportes teve início no dia 21 de setembro. A Viação São Roque tem a concessão para operar as linhas intermunicipais que ligam São Roque a Alumínio, Mairinque e Ibiúna.

 

 

 

 

Fabiana Caramez
Deixe seu Recado